Testemunho da Região Sul

Por ocasião dos 15 anos da Região Sul alguns casais, sacerdotes e uma religiosa partilharam a sua experiência de viver um FDS de Encontro Matrimonial

Ver mais

35 Anos de Encontro Matrimonial

 

O que é Encontro Matrimonial

Encontro Matrimonial é um movimento que tem como objetivo aprofundar a relação dos casais – homem e mulher.

Também tem como objetivo o enriquecimento da relação de sacerdotes e religiosas(os) com as suas comunidades.

Para tal oferece-lhes uma experiência de diálogo própria e uma comunidade de apoio permanente.

Sendo um movimento católico, está aberto a casais de outras religiões e não crentes, numa linha de grande respeito por todos.

Visão e Missão

A principal visão de Encontro Matrimonial pode ser sintetizada: amar mais e melhor, de acordo com o pedido de Jesus “Amai-vos uns aos outros como Eu vos amei” .

A missão de Encontro Matrimonial é vivenciar, testemunhar e anunciar o valor dos sacramentos do casamento e da ordem na Igreja e no Mundo.


Para quem

Encontro Matrimonial destina-se a casais com uma relação de amor estável e sacerdotes ou religiosas(os), de todas as idades, que sentem a inquietação de ir mais longe na sua caminhada, sem acomodação à rotina e com o desejo de ultrapassarem as dificuldades do mundo atual.

Onde existe

Encontro Matrimonial (Worldwide Marriage Encounter) é um movimento mundial, com meio século de existência.

Está presente em cerca de 90 países nos cinco continentes.

Em Portugal existe desde Janeiro de 1982.


Início da caminhada e da pertença em EM

Fim de Semana

 

Desde 1982 realizaram-se em Portugal e nas Comunidades Portuguesas do Luxemburgo e de Paris 300 FDS, em que participaram cerca de 4 500 casais, 150 sacerdotes e 50 religiosas.

Fim de Semana: como participar

O caminho em Encontro Matrimonial inicia-se com a participação num Fim de Semana (FDS), que é uma experiência de conhecimento de si mesmo e do outro, numa caminhada de escuta e confiança.

Ler mais

Símbolo e Lemas 2017-2020

Símbolo 

Azinheiras gémeas (os troncos crescem lado a lado, mas partilham uma só copa) (ler mais) 

 

Através do símbolo das azinheiras gémeas pretendemos significar o empenho de Encontro Matrimonial em promover a boa comunicação para que haja mais casais, sacerdotes, religiosas e famílias felizes. Por isso escolhemos o lema: ACREDITAR NO AMOR.

Lemas 

Para aprofundar o lema cada ano será dedicado a uma parte árvore.  (ler mais) 

Símbolo e Lemas 

     2014/2017

O símbolo que escolhemos para a nossa coordenação foi uma pedra, que não foi escolhida ao acaso... (ler mais)

 

 

 

EM REFLEXÃO

FAMÍLIA, LUGAR DE PERDÃO

"Não existe família perfeita.

 Não temos pais perfeitos, não somos perfeitos, não nos casamos com uma pessoa perfeita nem temos filhos perfeitos. 

Temos queixas uns dos outros. 

Dececionamo- nos uns aos outros. 

Por isso, não há casamento saudável nem família saudável sem o exercício do perdão. 

O perdão é vital para a nossa saúde emocional e sobrevivência espiritual. 

Sem perdão a família  torna-se uma arena de conflitos e um reduto de mágoas.
Sem perdão a família adoece. 

O perdão é a assepsia da alma, a faxina da mente e a alforria do coração. 

Quem não perdoa não tem paz na alma nem comunhão com Deus.

A raiva (mágoa)  é um veneno que intoxica e mata. 

Guardar ressentimento (mágoa) no coração é um gesto autodestrutivo. É autofagia. Quem não perdoa adoece física, emocional e espiritualmente.
É por isso que a família precisa de ser lugar de vida e não de morte; território de cura e não de adoecimento; palco de perdão e não de culpa. 

O perdão traz alegria onde a mágoa produziu tristeza; cura, onde a mágoa causou doença.

Papa Francisco.